|
porTerras Dentro
fonteTerras Dentro
a 26 AGO 2013

Projecto “Promoção dos Produtos Locais – Cooperação com S. Tomé e Príncipe”/ Cooperação PRODER

Parceria
- Associação IN LOCO (Algarve) – Promotor
- Associação Terras Dentro (Alentejo Central) – Parceira
- Associação Terras do Baixo Guadiana – Parceira
- Associação ROÇAMUNDO (S. Tomé) - Parceira

Necessidade Identificada: Potenciar e valorizar recursos existentes nos territórios parceiros, acrescentando-lhes inovação e diferenciação positiva que favoreçam a criação de novas oportunidades de mercado podendo ser um pretexto diferenciador do desenvolvimento de novas ofertas turísticas que favoreçam a criação de riqueza nestes territórios.

Descrição do Projeto: 1. Acções de formação em S. Tomé - Foram privilegiadas áreas e produtos com potencial de inovação e crescimento e trabalhados elementos relacionados com as técnicas de produção, transformação, armazenamento e comercialização dos produtos:

• Transformação e comercialização de produtos à base de frutos locais;
• Produção, secagem e comercialização de ervas aromáticas;
• Apicultura;
• Fabrico de velas e sabonetes com recurso a produtos locais.
Às acções aliou-se uma capacitação transversal sobre as questões do empreendedorismo, com o objectivo de produzir competências de auto-organização e de capacitação empresarial nos produtores envolvidos na formação.

2. Desenvolvimento dos processos produtivos - Diz respeito ao trabalho de desenvolvimento e consolidação das produções locais alvo dos processos formativos. Foi uma acção com uma importância significativa, na medida em que dela dependeu o acompanhamento dos produtores, garantindo a incorporação dos princípios e orientações tratadas na formação.   

3. Desenvolvimento de uma estratégia de comunicação e marketing -  consubstanciou-se através do desenvolvimento de um conjunto de actividades interligadas, nomeadamente:
a) Concepção de uma imagem dos produtos (“Produtos da Terra”).
b) Produção de 8 programas televisivos de promoção dos territórios ao nível cultural, patrimonial e gastronómico em conjunto com João Carlos Silva, membro da Associação Roça Mundo e cozinheiro amplamente conhecido do público pela condução que fez do programa “Na Roça com os Tachos”.
c) Edição de uma publicação que retrata os conteúdos dos programas televisivos, assegurando conjuntamente a promoção dos territórios.
d) Comercialização electrónica de forma a ampliar o potencial de mercado dos produtos apoiados pelo projecto através da sua inserção em plataformas de comercialização on-line.
e) Produção de kits de disseminação com amostras de produtos de cada território parceiro.
f) Organização de dois eventos de desenvolvimento local, um em São Tomé e Príncipe e outro em Portugal.

Resultados Obtidos: Os resultados obtidos são convergentes com as atividades do projeto. Tivemos no final e no total cerca de 50 formandos/as capacitados pelas ações de formação e a conceção dos seguintes produtos previstos:
a) Produtos locais com uma imagem de marca e com maior capacidade de afirmação no mercado.
b) 8 programas televisivos que serão transmitidos para o grande público através de um canal televisivo, ficando depois disponíveis para uma passagem permanente na Internet, através de páginas promocionais dos territórios.
c) A publicação está disponível em formato de papel para distribuir em eventos de turismo e de desenvolvimento dos espaços rurais e através da Internet.
d) Os kits de disseminação têm permitido a divulgação do projecto, dos produtos locais e dos territórios em diferentes eventos e certames nos quais as entidades parceiras participam.
e) O Encontro Internacional de Desenv. Local em S. Tomé (Outubro 2012), contou com cerca de 200 participantes de diferentes países e o Encontro Nacional de Desenv. Local em Lisboa (Maio 2013), contando com cerca de 150 participantes.

Pontos Fortes:
- Consolidação do trabalho em parceria entre Portugal/Alentejo e S. Tomé e Príncipe
- Capacitação dos formandos/as que frequentaram as ações de formação o que lhes permitiu condições para desenvolver atividades geradoras de rendimento no seu país.
- Contributo para o desenvolvimento e a consolidação do tecido económico dos territórios rurais envolvidos, apoiando directamente a inovação nos produtos locais e a promoção da atractividade turística.

(artigo escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico) 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
2019
2018
2017
2016
2015
2014
2013
2012
2011
2010