|
fonteIMVF
a 11 MAI 2012

Parceria europeia discute inclusão da Justiça Social nos currículos escolares

Entre 19 e 20 de abril a pacata cidade eslovena de Bled foi a capital da Educação para a Justiça Social, acolhendo uma Conferência que reuniu mais de 80 participantes de seis países europeus. Em cima da mesa esteve a integração da Educação para a Justiça Social nos currículos escolares europeus. Um assunto de fulcral importância também para Portugal, onde essa hipótese continua em aberto.

Durante dois dias de trabalho, estudantes, professores e decisores políticos partilharam experiências sobre a forma como já integram esta temática nas suas aulas e discutiram a Visão Europeia da Educação para a Justiça Social Global - ponderando que aspetos deverão constar no currículo escolar sobre o tema.
 
De Portugal partiu uma equipa de oito pessoas - entre as quais três professores e dois alunos - do Agrupamento de Escolas Amadeo de Souza Cardoso (Amarante), Escola Secundária Francisco Rodrigues Lobo (Leiria) e Agrupamento de Escolas Nun’Álvares (Seixal); para além de uma Técnica da Câmara Municipal do Seixal e de duas técnicas do IMVF. O grupo teve oportunidade de partilhar a realidade e experiência portuguesas neste evento de dimensão europeia.
 
O evento, promovido por cinco ONG europeias, entre as quais o IMVF, pretendeu fortalecer a rede de educadores, motivar os jovens estudantes para a ação e aumentar a visibilidade do tema junto de responsáveis pelas políticas educativas.
 
O Presidente da República da Eslovénia não quis deixar de se procunciar sobre o tema, numa carta endereçada aos participantes e onde salientava a importância da Conferência para a comunidade educativa, desafiando os jovens estudantes a debaterem as questões da pobreza e da justiça social.
 
Incentivar cada um dos Governos a adotar medidas de promoção da Educação para a Justiça Social foi, aliás, um dos compromissos resultantes da declaração de intenções subscrita pelos participantes, onde se comprometeram também em continuar a abordar e a pressionar os seus pares para que trabalhem estas questões.
 
A iniciativa integra o “Escola Mundo”, um projeto de cariz internacional cofinanciado pela Comissão Europeia e pelo IPAD e implementado em Portugal pelo IMVF, numa parceria entre seis países europeus. Esta iniciativa visa apoiar a comunidade educativa a reforçar valores, incentivar a uma postura ativa de cidadania global e trabalhar de forma transversal aproveitando os projetos já existentes na comunidade escolar, de forma a projetar uma ideia de justiça social global, da escola para o mundo.
 
Leia o Diário da Viagem aqui.
Mais informações sobre o projeto aqui.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
2019
2018
2017
2016
2015
2014
2013
2012
2011
2010