|
porUNICEF
fonteUNICEF
a 28 JUN 2017

UNICEF distribui artigos vitais por via aérea para combater a cólera no Iémen cujo número de casos já ultrapassa os 200.000

Três aviões charter com carga da UNICEF distribuíram 36 toneladas de artigos médicos e de purificação de água no Iémen a fim de reforçar o combate ao pior surto de cólera do mundo.

A carga incluía 750.000 saquetas de sais de reidratação oral (SRO) suficientes para tratar 10.000 pessoas, 10.5 milhões de pastilhas para purificar água e outros artigos de higiene.

"Estamos numa corrida contra o tempo. As nossas equipas estão a trabalhar com parceiros não só para providenciar tratamento para os doentes e sensibilizar as comunidades, mas também para reabastecer e distribuir rapidamente medicamentos e outros bens de primeira necessidade", disse o Dr. Sherin Varkey, Representante Adjunto da UNICEF no Iémen. "A distribuição aérea de bens essenciais continuará nos próximos dias".

Em apenas dois meses, a cólera propagou-se por quase todas as províncias do Iémen. Já morreram mais de 1.300 pessoas - um quarto das quais eram crianças. Os funcionários públicos, incluindo médicos, enfermeiros, engenheiros hidráulicos e responsáveis pela recolha de lixo não recebem salário há quase 10 meses.

Desde que o surto foi reportado a 27 de Abril, a UNICEF já tinha distribuído mais de 600.000 saquetas de SRO e 20.000 fluidos intravenosos (IV) em postos de reidratação oral e em casas. Em colaboração com vários parceiros no terreno, a UNICEF apoiou a criação de 488 postos de terapia de reidratação oral e mais de 20 centros para o tratamento da diarreia em todo o país.

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
2019
2018
2017
2016
2015
2014
2013
2012
2011
2010