|
porUNICEF
fonteUNICEF
a 26 FEV 2015

Declaração da UNICEF sobre as provações das crianças migrantes no Mediterrâneo

“Desde o início do ano, não passou uma única semana sem haver relatos de pessoas, principalmente provenientes de países dilacerados por conflitos, que atravessam o Mediterrâneo em barcos sem qualquer segurança à procura de abrigo na Europa.

“As crianças fazem cada vez mais parte deste êxodo. Por detrás destas viagens estão histórias individuais com uma dimensão trágica imensa; os perigos que todas essas crianças enfrentam antes, durante e depois dessas travessias são incomensuráveis. Muitas destas crianças viajam sem a protecção de pais ou cuidadores, e estão vulneráveis a riscos de abusos e exploração.

“A UNICEF congratula-se por a Comissão Europeia ter anunciado que irá reforçar o seu auxílio à Itália para ajudar a fazer face ao afluxo de crianças migrantes. As crianças migrantes no Mediterrâneo precisam de todo o apoio, cuidados e assistência a que têm direito.

“A UNICEF acredita que é preciso fazer mais para lidar com as causas a montante das tragédias que acontecem nestes barcos – incluindo os conflitos armados, a pobreza e o medo da perseguição – sendo essa a única maneira de prevenir que elas aconteçam.”

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
2019
2018
2017
2016
2015
2014
2013
2012
2011
2010